A urgência de reduzir os custos da frota e aumentar a produtividade durante a pandemia

A urgência de reduzir os custos da frota e aumentar a produtividade durante a pandemia

De acordo com as estatísticas do Instituto Brasileiro de Economia, a pandemia do COVID-19 desencadeou uma crise econômica que afetou tanto a produtividade, quanto ocasionou a queda do capital nas empresas.

É nesse cenário que entram os negócios dependentes de seus veículos, os quais são necessários para a realização das operações. Os custos da frota veicular – manutenção, combustível e até mesmo multas –  podem ser bastante elevados, e a redução destes é um aspecto decisivo para que as empresas continuem ativas nesse período.

Segundo os dados da entidade mencionada, a capacidade produtiva dos negócios brasileiros foi reduzida drasticamente, e agora se encontra em um nível abaixo da média, que costumava estar em aproximadamente 80%. Por causa disso, é fundamental tomar medidas que gerem o aumento da produtividade e a redução dos custos da frota, o mais rápido possível.

 

O desempenho da sua frota depende da conduta dos motoristas!

Você possui uma forma de controlar a conduta dos seus motoristas? E mais, sabe exatamente quais as atitudes tomadas por eles nas operações de campo, e a forma como eles conduzem os veículos da sua empresa? 

O desempenho da sua frota – tanto em relação à produtividade dessa, quanto no âmbito dos custos – depende diretamente da maneira como os condutores utilizam os veículos. Isso porque a conduta indevida gera gastos desnecessários com combustível (devido às escolhas erradas de rotas e o desvio proposital para fins pessoais), custos com manutenções corretivas e uma queda no rendimento da sua empresa. Em alguns casos extremos, condutores podem se envolver em acidentes e sem um devido Seguro, o problema pode ser ainda maior. 

Sim, os seus veículos são extensões da empresa, e por isso, as ocorrências da frota refletem no seu negócio.

Em meio à crise, não há outra escolha senão focar em soluções para que a empresa continue caminhando para frente, a fim de não deixar com que esse bem essencial se perca. A redução dos custos da frota e a potencialização da produtividade devem ser objetivos majoritários durante esse período.

Dentre os fatores que podem ser empecilhos para a sua empresa e a sua frota veicular no momento, destacam-se os seguintes:

  • Desrespeito dos motoristas aos limites de velocidade: as multas causadas pela ultrapassagem da velocidade podem chegar a ser consideradas gravíssimas, se a velocidade for maior do que 50% do limite indicado na via. Ademais, caso a empresa não identifique quem foi o motorista naquela ocasião, a multa é dobrada.

Esse gasto completamente desnecessário não pode ocorrer de maneira alguma nesse período, em que a redução de custos é prioridade.

  • Conduta inadequada e negligência aos cuidados do veículo: outro fator que deve ser destacado é a conduta agressiva apresentada por vários motoristas. Esse comportamento é extremamente perigoso e deve ser corrigido urgentemente nesse momento, já que custos com manutenções corretivas podem causar gastos excessivos e que poderiam ser evitados.
  • Ociosidade dos condutores: por último, o ócio praticado pelos motoristas é uma das principais causas para a queda de produtividade da empresa. Muitos deles realizam desvios de rota propositais e utilizam o seu tempo de expediente para fazer outras atividades; utilizando dessa maneira o veículo da empresa para fins incorretos. O ócio também pode ser observado quando há a redução da qualidade das entregas e das prestações de serviços; fatores fundamentais para o rendimento do seu negócio.

Com a intenção de te auxiliar a acabar com a conduta indevida e fazer a sua empresa rodar novamente – e não parar – preparamos algumas dicas eficazes para você aplicar em sua empresa. Confira:

Como reduzir os custos da frota e aumentar a produtividade?

Antes de solucionar os problemas ocasionados pela má condução dos motoristas, você precisa se certificar que eles não ocorrerão outra vez. Existem ferramentas que podem te ajudar no reconhecimento dessas falhas, para que posteriormente elas possam ser resolvidas. Iremos falar disso um pouco mais tarde.

Entretanto, para que você comece a reduzir os custos da frota, preparamos #3 dicas práticas, que também te ajudarão a impulsionar a produtividade.

Dica #1: Controle os gastos com combustível!

Em primeiro lugar, é fundamental ressaltar que os gastos com combustível devem ser controlados e registrados. Uma forma de controlar os custos da frota, com gasolina e diesel, é através de um software de gestão para frotas, cujas ferramentas possibilitam o lançamento de custos da frota e o estabelecimento das “requisições” – regras pelas quais você pode estabelecer o limite de valores para combustível – além de monitorar quanto cada motorista está gastando; a fim de comparar e tomar providências.

Em relação ao combustível, outra alternativa é investir na funcionalidade do roteirizador; um módulo que aliado ao rastreamento – a garantia de que as rotas sejam realmente cumpridas – escolhe e determina as melhores rotas para os operações, evitando que haja desvios desnecessários. 

Dica #2: Quando o assunto for manutenção, foque na preventiva!

As manutenções corretivas são mais caras e podem gerar muito mais prejuízos. Por isso, investir em verificações frequentes pode ser muito mais vantajoso; já que a manutenção preventiva evita que ocorram danos maiores. Dentre serviços de manutenção preventiva, podemos citar o de alinhamento e balanceamento que é um serviço simples e importante na manutenção veicular.

Para a organização desse processo, os planos de manutenção são ótimas ideias. Por meio deles, você pode registrar as peças a serem verificadas e criar checklists; além disso, em caso de você esquecer as datas das idas à oficina, o sistema portador dessa ferramenta te notifica via e-mail! Assim, a redução dos custos com consertos de peças estragadas é assegurada, e as suas operações ficam mais seguras e produtivas!

Dica #3: Não se esqueça de se garantir!

Por fim, vale aconselhar que a prevenção não deve ser deixada de lado. Mesmo que os cuidados sejam praticados, acidentes e/ou furtos podem acontecer e te deixar com um prejuízo desagradável de colocar na conta. 

Nesse cenário, investir em seguros dos veículos é a solução mais recomendada; pois mesmo que haja situações inesperadas, você não sofrerá com uma perda que poderia gerar prejuízos inimagináveis! 

Os seguros são formas de garantia e prevenção que podem te auxiliar nesse processo de redução de custos; e dessa forma, garantir uma boa passagem para você por esse período.

Mas como se certificar que os problemas não ocorrerão outra vez?

Como prometido, é hora de falar de uma ótima maneira de evitar que a má conduta dos motoristas se repita.

O termo de responsabilidade é um documento responsável por atribuir as regras de conduta que devem ser seguidas pelos motoristas. O termo segue a política de frotas da empresa, pois se trata de um modelo editável, em que você pode inserir fatores e adaptá-lo às necessidades do seu negócio. O objetivo é garantir que os condutores estejam cientes das regras impostas por você – que podem abranger a proibição do uso indevido já citado. 

Por meio desse documento, você terá uma forma de abordar os motoristas em casos de desrespeito às normas; sem contar que ao assinar um termo de responsabilidade, os condutores estarão cientes de que não podem mais praticar a má conduta. Dessa maneira, a chance de falhas acontecerem é bastante reduzida.

O termo está disponível para download no fim do artigo. Aproveite!

A imagem da empresa precisa ser preservada agora, mais do que nunca!

Para finalizar esse conteúdo, vale lembrar que esse momento é decisivo para o posicionamento da sua empresa perante o mercado de trabalho. Como já foi dito aqui, os veículos são extensões da empresa; e por isso, você deve zelar para que a imagem do seu negócio seja preservada.

Reduzir os custos e potencializar a produtividade são dois grandes passos para garantir que isso seja efetivado. E por isso, é importante que você coloque em prática as dicas e sugestões contidas neste artigo, além de caprichar no serviço de entregas e prestação de serviços!

Quanto às ferramentas mencionadas para a resolução dos problemas de frota, o sistema RotaExata possui todas elas em uma só plataforma, e a funcionalidade de rastreamento, gestão e roteirização possibilita que você torne tudo isso em realidade!

Em relação ao seguro de veículos, você já sabe que a Anubis é a melhor corretora para te ajudar nisso! Não deixe de investir em garantia e prevenção.

Este artigo foi desenvolvido pela Grasielle Mello, redatora da Rota Exata.

Esperamos ter te mostrado caminhos úteis para seguir nesse período.

Clique aqui baixar o Termo de Responsabilidade para utilização de veículos!